spot_img
spot_imgspot_img

Ginástica laboral para costureiras

Olá queridas(os) costureiras(os) do nosso Brasil, sou Rachel e vim trazer um pouco do universo dos exercícios que possibilitam dias melhores para o corpo no trabalho com a costura, tanto no rendimento quanto no bem-estar!

Vocês conhecem a Ginástica Laboral? Ela é um segmento da ginástica que foi desenvolvida lá no Japão, desde 1928, tendo vários conceitos e aplicações de acordo com diferentes autores.

Para nós, costureiras (os), o objetivo proposto será de exercícios de fácil execução e excelente resultado para as pessoas que se permitirem praticá-los todos os dias.

O ideal, é fazer os exercícios antes de começar a jornada de trabalho, e ao final de cada dia, porém, cada pessoa poderá adequar a sua prática no melhor momento. O importante é exercitar!

Fazer intervalo a cada 1h de trabalho também é interessante. Levante, ande um pouco. Beber água várias vezes ao dia, e ir ao banheiro sempre que der vontade. Jamais deixe o: “vou costurar só mais isto aqui” tomar conta!

Antes de iniciar, coloque atenção em cada execução, fazendo devagar e respeitando o seu limite. Fazer os exercícios de olhos abertos. Caso sinta desconforto em algum exercício, não o faça.

Exercício 1: Respiração

Inspire lenta e profundamente, enchendo os pulmões de ar, contando até 5, e solte o ar no mesmo ritmo e tempo, contando até 5. (Executar 3 x)

Exercício 2: Pescoço- alongamento

2.1- Inclinar a cabeça e pescoço para a lateral esquerda por 10 segundos, alongando toda a musculatura, como se a orelha fosse encostar no ombro. Repetir o exercício para o lado direito.

2.2- Flexionar o pescoço para frente, com a boca fechada, e manter-se nesta posição por 10 segundos (Como se fosse encostar o queixo no corpo) 

2.3 – Levar a cabeça para trás, com a boca fechada e manter-se nesta posição por 10 segundos, mantenha os ombros relaxados. Se você tem hérnia na cervical, não faça este exercício. 

2.4- Virar o pescoço para a direita, bem devagar, e manter-se nesta posição por 10 segundos (Atenção para não descer o queixo). Repetir o movimento para a esquerda.

Exercício 3: Ombros

3.1- Com os braços soltos e as mãos apontadas para baixo: Eleve os ombros para cima e retorne a posição inicial. (Executar 4 vezes)

3.2- Com os braços soltos e as mãos apontadas para baixo: Executar um movimento girando os ombros para frente 4 vezes; alternar o movimento e girar os ombros para trás 4 vezes. Sinta o quanto este exercício é relaxante! 

Exercício 4: Mãos e punhos

4.1- Abra e feche as mãos alternadas 4 vezes.

4.2- Rotação dos punhos: Com os braços retos e abertos para os lados, girar lentamente as mãos em círculo, trabalhando os punhos. Girar 4 x para cada lado.

4.3 Flexão das pontas dos dedos: Com a mão direita estendida, dedos juntos e palma da mão para baixo, forçar os dedos contra a palma da mão esquerda, mantendo a posição por 10 segundos e soltar suavemente. Repetir a flexão com a outra mão.

Exercício 5: Pernas e pés

Braços estendidos à frente e apoiados em uma parede, pernas levemente afastadas, pés voltados para frente, elevar os calcanhares para cima lentamente, ficando com o apoio na meia ponta dos pés. Descer os calcanhares lentamente apoiando todo o pé. Executar o exercício 12 vezes.

Rachel da Paixão Manganelli Professora de Educação Física. Aperfeiçoamento em Pilates (CEAFI); Professora de ginástica cerebral (Método Supera); Especialista em Motricidade Humana (ESEFEGO/UEG) e Métodos e Técnicas de Ensino (Universidade Salgado de Oliveira). Aluna do curso Costureira de Mão Cheia- Turma 3

 

Publicações relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimas publicações