spot_img
spot_imgspot_img

Agulhas domésticas: entenda as diferenças, tipos de agulhas e quando usar cada uma delas

Para cada tipo de tecido e aplicação, existe uma agulha ideal e suas características específicas fazem toda a diferença no produto final

A agulha é uma das partes mais importantes para que se tenha uma costura perfeita. Considerando que cada modelo tem a sua aplicação, existem cuidados que contribuem para o sucesso do trabalho final, como utilizar a agulha apropriada para cada tipo de tecido – evitando quebra de linha – para obter pontos perfeitos.

De acordo com Concheta Feliciano, diretora de Marketing da Singer para a América Latina, antes de iniciar a costura, é fundamental analisar o trabalho a ser feito e qual tecido será utilizado para escolher a agulha mais adequada de acordo com a espessura e perfil de ponta.

Além da variação do perfil da ponta, existem agulhas de várias espessuras. Quanto menor o número, mais fina ela é. As agulhas de numeração 9 a 11 são ideais para tecidos finos, como seda, voal e organza. As espessuras 14 e 16 são mais utilizadas para costurar algodão e oxford. Para sarja ou veludo, é recomendável utilizar as agulhas com espessura 18 e para tecidos ainda mais espessos o ideal é a agulha tamanho 21.

“No caso das agulhas Singer, o modelo 2020 é recomendado para trabalhar com algodão“, explica a executiva. Para bordados livres e pontos decorativos com linhas metalizadas, o especialista indica a agulha modelo 2011. Se a ideia é realizar peças acolchoadas (quilt e patchwork), o modelo mais indicado de agulha é o 2019.

“Também existem agulhas específicas para tecidos como Jeans, o qual o modelo 2026 é o mais recomendado. Para costuras decorativas ou nervuras, a Singer recomenda o modelo 2028, que é a agulha dupla estreita com distância de 2mm entre elas, e, para bordados que imitam ponto tipo ajour, a marca tem o modelo 2040 que é conhecida como agulha asa”, acrescenta Concheta.

O portfólio da Singer conta com diversas agulhas robustas, como a de titânio, com durabilidade quatro vezes maior que as comuns, além de modelos voltados para costura de couro.

Dicas valiosas

 A Singer também produz agulhas com duas lâminas, conhecidas como “agulhas duplas”. O modelo 2024 possui 4mm de distância entre as pontas e o modelo 2025 tem 3mm, além da 2028 citada acima que é a mais estreita, com distância de 2mm entre as pontas. Ambas são indicadas para costuras decorativas, tanto reta como zig-zag, e que também imita a costura da galoneira industrial. Neste caso, é importante lembrar de ajustar a largura do zig-zag para que a agulha dupla não toque no pé calcador, evitando a quebra da agulha.

A diretora da Singer enfatiza que o tempo de vida útil de uma agulha é de aproximadamente 8 horas, podendo variar conforme o tipo de tecido. A agulha deve ser colocada corretamente na máquina, com a parte achatada para trás. “Verifique se a agulha não está torta e troque-a se não estiver totalmente alinhada”, esses cuidados fazem com que a costura fique perfeita, conclui a executiva.

Publicações relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimas publicações